Rede Sete Uncategorized Blasfêmia contra o Espírito Santo

Blasfêmia contra o Espírito Santo


blasfemia contra espirito santo

A blasfêmia contra o Espírito Santo é, segundo dito por Jesus Cristo, o único pecado que não tem perdão.

 

O PECADO DA BLASFÊMIA CONTRA O ESPÍRITO SANTO

Em termos didáticos, é atribuir a pessoa do Espírito Santo conscientemente a demônios algo que você sabe que é de Deus, pois o que não é de Deus é do inimigo.

Tal fato ocorreu enquanto Jesus Cristo, em mais um de seus incontáveis milagres, expulsou demônio de um homem, então fariseus acusaram tal milagre de Cristo de ser feito através do diabo.

Neste momento, Jesus Cristo diz o seguinte:

“Por esse motivo Eu digo a vocês: Todo pecado e blasfêmia serão perdoados aos homens, mas a blasfêmia contra o Espírito não será perdoada. Todo aquele que disser uma palavra contra o Filho do homem será perdoado, mas quem falar contra o Espírito Santo não será perdoado, nem nesta era nem na que há de vir. – Mateus 12:31-32”

Em outra passagem, é dita a mesma coisa:

“Qualquer, porém, que blasfemar contra o Espírito Santo, nunca obterá perdão, mas será réu do eterno juízo – Marcos 3:29”

 

UM BREVE RESUMO SOBRE O QUE É O ESPÍRITO SANTO

Este é o resumo do resumo, uma outra carta contém informações com riqueza de detalhes.

O Espírito Santo faz parte da Trindade Divina de Deus, o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Deus é um só em 3 pessoalidades (Gênesis 1:26), em outro tema que está em uma outra carta que contém informações com riqueza de detalhes.

O Espírito Santo é quem recoloca a pessoa para Cristo (João 16:13), é o consolador (João 14:16), é a garantia da salvação (Efésios 1:13-14), é a pessoa nascida novamente, e vivendo em Cristo (Ezequiel 36:26-27).

 

O MOTIVO DO PECADO DA BLASFÊMIA CONTRA O ESPÍRITO SANTO NÃO TER PERDÃO

Sem dúvidas somente o próprio Deus diria com total exatidão o real motivo desse pecado não ter perdão, mas em estudos, se conclui que o Espírito Santo é muito sensível, mais que o Filho e o Pai, mesmo ambos sendo um só mas com pessoalidades e ações diferentes, mas que geram o mesmo resultado que é a glória de Deus.

Vejamos abaixo:

“Da mesma forma o Espírito nos ajuda em nossa fraqueza, pois não sabemos como orar, mas o próprio Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis. E aquele que sonda os corações conhece a intenção do Espírito, porque o Espírito intercede pelos santos de acordo com a vontade de Deus. – Romanos 8:26-27”

Perceba o papel do Espírito Santo e sua importância, pois ele age intercedendo por nós pecadores até mesmo no céu com o Filho e o Pai.

Então, aparece alguém que sabe e crê, mas zomba do Pai e do Filho, e essa mesma pessoa atribui o Espírito Santo a demônios, você realmente acha que essa pessoa tem solução, salvação, quanto mais perdão?

Essa pessoa é descrita na passagem abaixo:

“Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos. E mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, e de aves, e de quadrúpedes, e de répteis. Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si. Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém. Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro. E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm. Estando cheios de toda a iniquidade, fornicação, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade. Sendo murmuradores, detratores, aborrecedores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais e às mães. Néscios, infiéis nos contratos, sem afeição natural, irreconciliáveis, sem misericórdia. Os quais, conhecendo o juízo de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem. – Romanos 1:22-32”

Esse tipo de pessoa não se arrepende nem pensa em o fazer, seu coração é de pedra e em sua mente só habita a maldade.

 

MAS SE É IMPERDOÁVEL, PORQUE CRISTO PERDOOU NA CRUZ O POVO QUE O CONDENAVA?
Na cruz, Jesus Cristo ouviu toda sorte de xingamentos, heresias e vulgaridades, entre elas acusações de que Ele não era o Messias, pois se fosse, o mesmo segundo eles desceria da cruz e mostraria quem Ele é de fato, entre vários discursos mentirosos proferidos pelo povo herege, como diz a passagem abaixo:

“E os que passavam blasfemavam dEle, meneando as cabeças, E dizendo: Tu, que destróis o templo, e em três dias o reedificas, salva-te a Ti mesmo. Se és Filho de Deus, desce da cruz. – Mateus 27:39-40”

Como visto, o povo blasfemava, mas era contra o Filho e não contra o Espírito Santo, e mesmo pecando, eles não sabiam que estavam pecando, pois de fato não acreditavam ser aquele que estava na cruz ser o Messias.

Visto isso, e para não ter nenhuma discussão sobre essa afirmação, Cristo perdoou o mesmo povo que o xingava na cruz, como dito na passagem abaixo:

“E dizia Jesus: Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem. – Lucas 23:34”

E os fariseus acusadores, foram perdoados?

Se não se arrependeram… Não!

Pois estes sim sabiam que Cristo era o Messias, viram todos os seus feitos, e mesmo assim atribuíram coisas santas ao diabo.

Esta é a verdadeira blasfêmia contra o Espírito Santo, este é o único pecado que não tem perdão.

Um exemplo foi o próprio Apóstolo Paulo, que era fariseu, perseguidor de cristãos e sem dúvidas tinha em sua mente toda sorte de atrocidades contra Deus, antes de sua conversão (Filipenses 3:5).

 

BLASFEMEI CONTRA O ESPÍRITO SANTO, MAS ME ARREPENDI, SEREI PERDOADO?
Se você cometeu o pecado da blasfêmia contra o Espírito Santo, mas se arrependeu, logo você nunca cometeu o pecado que não tem perdão, pois somente quem não se arrepende do que diz contra o Espírito Santo e atribui as obras divinas ao diabo é quem são os verdadeiros condenados ao pecado sem perdão.

Se o Espírito Santo mora dentro de você, e seu corpo é santuário do Espírito Santo, e que seu corpo não é de sua propriedade e sim de propriedade de Deus (1 Coríntios 6:19), como pode você ser contra algo que mora dentro de você?

Mesmo você com seus pecados entristecendo o Espírito Santo (Efésios 4:30), a mensagem se aplica a quem não possui vínculo com Cristo, neste caso não há nada nesta pessoa, nem o Espírito Santo (Romanos 8:9).

O Espírito Santo te mostra e convence da verdade, te aproxima de Deus e te afasta do pecado, como diz a passagem abaixo:

“Todavia digo-vos a verdade, que vos convém que Eu vá; porque, se Eu não for, o Consolador não virá a vós; mas, quando Eu for, vo-lo enviarei. E, quando Ele vier, convencerá o mundo do pecado, da justiça e do juízo. – João 16:7-8”

O Espírito Santo que faz morada na vida do cristão é a garantia da salvação, como diz a passagem abaixo:

“Ora, é Deus que faz que nós e vocês permaneçamos firmes em Cristo. Ele nos ungiu, nos selou como sua propriedade e pôs o seu Espírito em nossos corações como garantia do que está por vir. – 2 Coríntios 1:21-22”

O Espírito Santo é o professor da sua vida, ensina o caminho reto, como na passagem abaixo:

“Mas, quando vier aquele Espírito de verdade, ele vos guiará em toda a verdade; porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido, e vos anunciará o que há de vir. – João 16:13”

Além de o tão mencionado Fruto do Espírito, que não são as obras que são consequência da nossa fé, e sim as consequências da pessoa que tem o Espírito Santo, como diz nesta passagem:

“Mas o fruto do Espírito é amor, alegria, paz, paciência, amabilidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio. Contra essas coisas não há lei. – Gálatas 5:22-23”

Não existe sentido em atacar ou ser contra algo que vivemos e possuímos com amor dentro de nós mesmos.

 

NOTA PESSOAL
Você realmente acha que ninguém em algum momento da vida blasfemou ou cometeu pecado similar a Deus, seja por qualquer que seja o motivo?

Eu sinceramente não conheço, e obviamente isso não é o certo e nunca deve ser feito, mas todos os seres humanos já cometeram erros terríveis, e se por isso mesmo com arrependimento o pecado não tiver perdão, com o perdão da palavra, o céu estará vazio e toda a terra irá encher o inferno.

Claramente isso nunca será uma bandeira branca para cometer pecado, seja roubar um ovo ou cometer um assassinato, mas saibamos diferenciar as coisas, não se trata do que eu penso e sim de dizer para as pessoas que a grama é verde, mas existe uma placa de que não se pode pisar nesta grama.

Uma coisa que eu particularmente acho interessante, e nesta parte por ser minha opinião você pode discordar, é que as pessoas incrédulas amam falar mal de Deus, mas o mesmo não acontece em países muçulmanos, porque será?

 

VOCÊ BLASFEMOU CONTRA O ESPÍRITO SANTO?
Muitos me perguntam isso, até mesmo se cometeram o pecado sem perdão em pensamento, e vos digo que este pecado só pode ser feito através de vivência, de atos, nojo pelo que é santo, aversão a Deus e atribuir sua divindade ao que é imundo.

Quem provavelmente está colocando na sua mente nesse momento que você cometeu o pecado da blasfêmia contra o Espírito Santo e não importa o que você faça, que você jamais será perdoado é o inimigo, não caia nas armadilhas dele, pois é exatamente o que ele quer, te enganar e te destruir, ou você acha que alguém que antes de ser enviado ao inferno tinha uma das maiores autoridades entre os anjos, era belo, grandioso, conhece toda a Bíblia e levou um terço dos anjos com ele para baixo não saberia o que fazer para te confundir e tentar tirar você da presença de Deus?

Outro ponto é que, mesmo cometendo o pecado da blasfêmia contra o espírito santo e se arrependendo, Cristo entraria em contradição consigo mesmo, algo que não existe, pois o próprio diz:

“Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por Ele. Quem crê nEle não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus. – João 3:17-18”

“E dizia a todos: Se alguém quer vir após Mim, negue-se a si mesmo, e tome cada dia a sua cruz, e siga-me. Porque, qualquer que quiser salvar a sua vida, perdê-la-á; mas qualquer que, por amor de mim, perder a sua vida, a salvará. – Lucas 9:23-24”

“Tomai sobre vós o Meu jugo, e aprendei de Mim, que sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para as vossas almas. Porque o Meu jugo é suave, e o Meu fardo e leve. – Mateus 11:29-30”

“Porque não tenho prazer na morte do que morre, diz o Senhor Deus, convertei-vos, pois, e vivei. – Ezequiel 18:32”

“E se o Meu povo, que se chama pelo Meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a Minha face e se converter dos seus maus caminhos, então Eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra. – 2 Crônicas 7:14”

“Se confessarmos os nossos pecados, Ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça. – 1 João 1:9”

Existem pessoas que procuram exemplos de blasfêmia contra o Espírito Santo, o que acho sinceramente comparável a ensinar como fabricar uma bomba caseira para se suicidar, então nunca citarei tais exemplos.

Quer voltar a Cristo? Então pare de inventar desculpas, negue o mundo, viva Cristo, não dê ouvidos ao acusador, tenha fé e se arrependa verdadeiramente, então no último dia você não terá a glória de ir ao paraíso, pois o paraíso é consequência, mas você terá a glória de passar a eternidade com Deus.

 

Viva Cristo,
Sete